Passo A Passo De Artigo Cient Fico

Teste de 15 anos

A forma da fixação do conhecimento ou forma da apresentação da informação, depois disto entende-se como o seu objectivization por meio disto ou aquele sistema de sinal ou em qualquer transportadora material, por exemplo no papel. A matéria é que o conhecimento como isto representa um fenômeno mental, é a propriedade da mentalidade de certos indivíduos e em tal qualidade é inacessível para o outro. Depois do seu objectivization (que fixa) na transportadora material, contaremos na forma do texto, o desenho, uma fórmula, etc., o conteúdo deste conhecimento (considerado como informação, a mensagem fica disponível para o número ilimitado dos seus consumidores, é conveniente para a distribuição no espaço e tempo. Qualquer forma da fixação do conhecimento é ao mesmo tempo e um meio de comunicação.

O papel de um sinal compõe-se na representação, substituindo qualquer coisa, atuando como a essência "modificada" desta coisa, para a consciência. Na visão mais geral o sinal pode definir-se como interação de meios de comunicação e pensamento.

A foto como um caminho da imagem e como os meios da fixação da reflexão de verdadeiros sujeitos objetivamente representa a imagem de avião, e em todo o caso a pessoa é capaz de perceber corretamente a imagem do objeto - em vista do fato que na foto a proporção espacial de objetos à visão humana de mesmo modo agarra.

Se aspirar a construir um número de formas da informação pictográfica, por exemplo com base na significação crescente ou que o mesmo, - aumentos abstratos, as formas da apresentação da informação considerada nesta seção se construirá em tal linha: foto> desenho técnico> desenhando> esquema.

Se a sensação for uma reflexão de propriedades separadas de sujeitos e fenômenos da realidade circundante, a percepção é uma reflexão evidente e figurativa dos sujeitos que produzem no momento órgãos dos sentidos e os fenômenos da realidade no total das suas várias propriedades e características. Como um produto de percepção a imagem mais ou menos difícil de um sujeito sempre atua.

Assim, a leitura de esquemas une-se com a correlação das suas formas de sinal com vários desenhos, isto é sinal e verdadeira, e em alguns casos também com o funcionamento de imagens dinâmicas espaciais. Vário acordo de imagens condicionais tem o impacto em justeza da percepção e compreensão do esquema como um dos tipos principais da apresentação generalizada também.

Neste jornal não considero formas de texto da fixação do conhecimento, e limito-me a só dois - pictográfico (de pictus latino - desenhado, representado) e ideographic (da ideia grega - conceito.

O processo da transferência de informação como um componente do treinamento pode e tem de otimizar-se para fins da melhora da qualidade do treinamento. A informação neste jornal entende-se como a mensagem registrada por sinais artificialmente criados (ou sistemas de sinal), disponível para percepção e compreensão pelo público segundo o qual se calcula.

Decifrando - uma fase final do processo de uma identificação (e percepção) - geralmente compõe-se "na transferência" dos sinais percebidos àquelas unidades do discurso interno que se unem diretamente com representações e pensamento.

É expediente para distinguir dois casos essencialmente diferentes: compreensão de sinal e não objetos de sinal. Se no primeiro o problema de entender se compuser em revelação, explicação, figurativamente falando alguém que o sentido instalou no objeto, a sua descodificação, nos segundos objetos em si mesmo, por via de regra, não faça sentido (exceto como carros, dispositivos, construções e outros produtos da atividade humana onde com certas reservas é possível considerar que no momento da sua criação neles "o sentido se pôs") e a pessoa nesta segunda situação da compreensão de comparação, a comparação, etc. de comunicações e as relações do objeto como se introduza nele "o novo sentido", prova o sentido introduzido no objeto da compreensão e em caso de um udachnost de tal prova considera o objeto claro.

Qualquer esquema que expõe objeto técnico representa um produto de abstração para fins da exposição só o mais essencial, básico nele. O trabalho com o esquema assume certo nível de desenvolvimento de representações espaciais e pensamento. A leitura de esquemas assume alguma compreensão inicial da relação entre certos objetos técnicos ou nós de um objeto.